GuidePedia

0

Ranking elaborado pelo site Transfermarkt.com mostra a disparidade entre as equipes da Europa e as demais.

A cada temporada que passa os investimentos no futebol estão cada vez maiores, em uma tentativa dos clubes em se tornarem ainda mais globais. Exemplos não restam, tanto na Europa, passando também pela Ásia, que de uns anos para cá vem pagando caro para trazer jogadores de peso. Em lista elaborada pelo site Transfermarkt.com com o Top 100 de elencos mais caros da atualidade, essa realidade pode ser muito bem observada, principalmente no Velho Continente, que lidera o ranking com muitos representantes. A relação, porém, também deixa evidenciada a ‘desigualdade’ se comparada à América do Sul, onde figuram apenas Palmeiras, Flamengo, Boca Juniors e River Plate. Veja a lista:
1° - Real Madrid: 743,8 milhões de euros (R$ 2,81 bilhões)
2° - Barcelona: 706, 5 milhões de euros (R$ 2,66 bilhões)
3° - Paris Saint-Germain: 648,4 milhões de euros (R$ 2,45 bilhões)
4° - Chelsea: 631,9 milhões de euros (R$ 2,38 bilhões)
5° - Manchester City: 629,5 milhões de euros (R$ 2,37 bilhões)
6° - Bayern München: 599,1 milhões de euros (R$ 2,26 bilhões)
7° - Manchester United: 592, 7 milhões de euros (R$ 2,23 bilhões)
8° - Tottenham Hotspur: 551 milhões de euros (R$ 2,08 bilhões)
9° - Juventus: 540,3 milhões de euros (R$ 2,04 bilhões)
10° - Liverpool: 514,5 milhões de euros (R$ 1,94 bilhão)
78° - Boca Juniors: 78,03 milhões de euros (R$ 294,8 milhões)
85° - Flamengo: 74,65 milhões de euros (R$ 282, 07 milhões)
87° - Palmeiras: 74,13 milhões de euros (R$ 280 milhões)
88° - River Plate: 73,85 milhões de euros (R$ 279 milhões)



Fonte: Fox Sports

Postar um comentário

 
Top