GuidePedia

0

Diretoria coloca mais dinheiro na mesa do CSKA e sobe a proposta para R$ 40 milhões

Rio - Com o atacante Vitinho, do CSKA, na mira, a diretoria do Flamengo colocou mais bala na agulha. Agora, espera uma resposta do clube russo nos próximos dias para saber se o jogador será o substituto de Vinicius Júnior. Por enquanto, Mauricio Barbieri faz experiências com o que tem à disposição. O primeiro teste será contra o São Paulo, nesta quarta-feira, no Maracanã. Já foram vendidos 34 mil ingressos o Setor Norte está esgotado.
A princípio, o Rubro-Negro havia estabelecido um limite de 7 milhões de euros (R$ 31,6 milhões). Ao perceber que o alvo ainda estava distante, o clube estourou o teto e colocou na mesa aproximadamente 9 milhões de euros (R$ 40,6 milhões). A ideia é que o desejo de Vitinho de voltar ao Brasil compense a diferença, já que os russos haviam pedido 10 milhões de euros (R$ 45,1 milhões).
Enquanto isso, o Flamengo busca soluções imediatas. Além da saída de Vinicius Júnior, Mauricio Barbieri não poderá contar com Cuéllar e Henrique Dourado, suspensos. Para piorar, o clube bate cabeça à procura de garantias à escalação de Guerrero.
Segundo os advogados do peruano, a liminar que assegurou ao centroavante a participação na Copa do Mundo permite o seu aproveitamento no Campeonato Brasileiro. Escaldado desde o caso André Santos, em 2013, o departamento jurídico do clube consultou o Superior Tribunal de Justiça Desportiva se há algum registro de punição a Guerrero. De acordo com a assessoria do tribunal, porém, a pergunta deveria ser feita ao departamento de competições da CBF.
Se Guerrero não puder jogar, Barbieri deve escalar Lincoln ou Fernando Uribe. O colombiano tem até hoje para ser regularizado. Falta chegar o documento de transferência internacional. A janela de transferências reabriu ontem.

Fonte: O Dia 

Postar um comentário

 
Top