GuidePedia

0

Pendurado, volante Hudson é punido com cartão amarelo durante partida e fica de fora do próximo compromisso da equipe.

São Paulo - O volante Hudson está de fora do próximo compromisso do São Paulo no Campeonato Brasileiro. O jogador deu um carrinho em Jael na intermediária e o juiz Grazianni Maciel Rocha deu o cartão amarelo, o que deixou o atleta de fora da partida contra o Cruzeiro por já estar pendurado anteriormente.
Hudson considerou a punição injusta e acredita que houve conflito de interesses na decisão. Além do volante, Arboleda e Éder Militão também pendurados, levaram cartão amarelo por falta em Kannemann e ficarão de fora da partida do final de semana.
"Achei injusto meu cartão, minou a gente. Tínhamos uns caras pendurados já. Imagina estar pendurado e ainda tomar o vermelho", disse o camisa 25, questionando a origem do árbitro, oriundo do Rio de Janeiro.
"Muito difícil falar de arbitragem, porque a gente sabe que às vezes pega uma suspensão por causa de alguma coisa que fala. Mas árbitro do Rio contra nós, sabendo que o Flamengo está na frente, é difícil para caramba", desabafou.
Contudo, Hudson reconheceu a queda no rendimento da equipe na partida, que voltou a cometer erros que já haviam ficado no passado.
"Foi difícil, mas não vamos jogar a carga no juiz, não. Tivemos erros que não vínhamos cometendo. Sabíamos que teríamos que ser cirúrgicos aqui, as oportunidades que a gente tivesse teria que fazer e não fizemos. E mérito para o Grêmio, que tem grandes jogadores", concluiu.
O São Paulo foi derrotado por 2 a 1 pelo Grêmio, o que deu fim a sequência de cinco jogos sem perder. Caso vencesse, ultrapassaria o Flamengo na tabela. Porém, o triunfo foi da equipe gaúcha, o que faz com que o Rubro-negro siga líder do campeonato.

Fonte: O Dia

Postar um comentário

 
Top