GuidePedia

0
Fora da lista de relacionados no duelo contra o Cruzeiro pela Libertadores, Ceifador faz seu primeiro jogo como titular depois da Copa e marca o gol da vitória no reencontro pelo Campeonato Brasileiro

Quando o Flamengo noticiou que Uribe seria desfalque para o jogo contra o Cruzeiro por conta de uma lesão muscular constatada na coxa esquerda, esperava-se que seu substituto no time fosse Lincoln. Afinal, o jovem vinha de um gol importante na Copa do Brasil e foi o único da posição a ser relacionado para o banco de reservas no compromisso pela Libertadores. Mas Maurício Barbieri surpreendeu na escalação e deu nova chance a Henrique Dourado, cortado da relação na última quarta-feira.
E o Ceifador, que no período pós-Copa havia jogado apenas nos minutos finais do empate com o Santos, aproveitou a oportunidade: fez o gol da vitória por 1 a 0 (veja no vídeo acima) no Maracanã em sua única finalização e ganhou pontos na disputa pela vaga no time.

-- Meus companheiros me ajudaram bastante. O momento ruim passa, o momento bom também. Quando fiquei fora do último jogo, foi doído. Feliz eu não estava (por não estar jogando), mas respeitei. Quando tive oportunidade, consegui fazer o gol – celebrou, na saída do estádio.
Sem Guerrero, que deixou o clube e acertou com o Internacional, Maurício Barbieri tem três opções para a posição mais avançada no time. E garantiu que não tem um nome definido como titular absoluto. A escalação de Dourado, Uribe ou Lincoln vai depender das circunstâncias.

- São jogadores de qualidade e que vêm ajudando bastante. Na Libertadores são só 18 relacionados, no Brasileiro são 23. Você acaba deixando alguns jogadores de fora. Não quer dizer que não tenha importância para nós. A escolha dele (Dourado) se deu pela característica do jogo. O Cruzeiro ia esperar, era importante ter um jogador de área. Se mostrou uma decisão acertada, a gente fica feliz. Sobre atacante, vamos avaliar jogo a jogo, as características de cada um, para tomar a melhor decisão para o Flamengo.

Artilheiro do Rubro-Negro na temporada, Henrique Dourado chegou ao 10º gol pelo clube em 2018 - em jogos oficiais -, o quarto pelo Campeonato Brasileiro. Pode continuar na equipe para o jogo da volta contra o Grêmio, pela Copa do Brasil, mas obrigará o técnico a mexer novamente no time contra o Atlético-PR, no próximo domingo. Isso porque o camisa 19 recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso.

Números do Flamengo com o Ceifador em campo são melhores (contando apenas jogos oficiais):
Flamengo com Henrique Dourado
Aproveitamento de 72,41%
Vitórias: 18
Empates: 9
Derrotas: 2
Fonte: GloboEsporte.com
Flamengo sem Henrique Dourado
Aproveitamento de 50%
Vitórias: 6
Empates: 3
Derrotas: 5


Fonte: GloboEsporte.com

Postar um comentário

 
Top