GuidePedia

0
Não deu para conquistar o Brasileirão de juniores. O Flamengo foi bem, mas morreu na semifinal ao ser cruelmente goleado em Salvador pelo Vitória. 

Agora, o Mengão tenta ficar com a taça do Torneio Octávio Pinto Guimarães, que é uma espécie de “Campeonato Estadual do segundo semestre”. Confira abaixo o prognóstico da peleja contra o Nova Iguaçu, marcada para o centro de treinamento do Laranjão, de acordo com o Oddsshark.com.

Como apostar?
Há duas formas básicas de se apostar em futebol. São os chamados investimentos a curto e a longo prazos.
A primeira opção é no que diz respeito ao próximo jogo Nova Iguaçu x Flamengo. Quem vence? Dá empate? Quem marca gols? Teremos mais de X gols na partida? Ambos os oponentes balançam as redes? O Flamengo vence por dois gols de diferença? Como termina o primeiro / segundo tempos? Empate anula aposta? Como você pode ver, são várias as opções e colocamos uma tabela mais abaixo mostrando algumas delas.
Já a longo prazo, você investe em quem será o campeão de alguma competição. Infelizmente, não dispomos de odds para apostas futuras desta contenda.

Histórico
O Flamengo bateu o Nova Iguaçu por 2 a 1 durante a vitoriosa campanha no Campeonato Carioca de 2018. Detentor de trinta Estaduais, cinco Taças Guanabara e sete Taças Rio, o Mengão é um gigante frente ao Nova Iguaçu, que só levantou o primeiro turno uma única vez, em 2012.

Nova Iguaçu x Flamengo
No fim de semana, começou o Torneio Octávio Pinto Guimarães. O Flamengo goleou o Audax na Gávea por 4 a 0, enquanto que o Nova Iguaçu surpreendeu o Carapebus na estrada por 1 a 0.
O regulamento do certame é simples. Na primeira fase os 16 participantes foram divididos em quatro chaves de quatro. Após turno e returno dentro dos grupos, os dois melhores de cada avançam à segunda etapa. Na segunda fase, teremos dois quadrangulares e as equipes voltam a se confrontar em ida e volta. O primeiro colocado de cada grupo se credencia para jogar a grande final, que terá duas partidas.
Possíveis escalações:
Nova IguaçuBruno; Victor, França, Rodrigo e Matheus Claudinho; Wanderson, Kayque, Wellington e Vitor Felix; Pedro Henrique e Gustavo Apis. Técnico: Cassio Barros.
FlamengoVictor Hugo: Klebinho, Nathan, Patrick Souza e Henrique; Vitinho, Bill, Matheus Alves e Wendel; Luiz Henrique e Souza. Técnico: Márcio Torres.


Fonte: Coluna do Flamengo 

Postar um comentário

 
Top