GuidePedia

0
Pouco acionado pelo comandante, volante paraguaio pode ganhar chance entre os titulares diante do Atlético-PR, sábado no Maracanã, por conta da ausência de Cuéllar, suspenso

Piris da Motta chegou à Gávea em agosto com a expectativa de disputar a titularidade do Flamengo com Cuéllar e Willian Arão. O início foi promissor, ainda sob o comando de Maurício Barbieri o paraguaio iniciou quatro jogos consecutivos. Porém, desde a chegada do técnico Dorival Júnior, o camisa 25 perdeu espaço, atuando apenas por cerca de 10 minutos em duas partidas. 

Contra o Atlético-PR, no sábado, o jogador pode, enfim, receber uma chance de iniciar a partida. A bola rola às 17h com transmissão em tempo real do LANCE!.

A explicação para o pouco tempo em campo de Piris da Motta passa por dois pontos principais: a ótima fase técnica e física de Cuéllar e a maneira com que o treinador enxerga o volante paraguaio. Para Dorival, Piris é primeiro volante, atuando na função exercida por Cuéllar. O colombiano, por sua vez, não deu brecha ao concorrente, atuando nas 11 partidas sob o comando de Dorival 

Após dois dias de folga, o elenco rubro-negro se reapresenta nesta manhã no CT Ninho do Urubu. Com o segundo lugar da tabela assegurado, o Flamengo entrará em campo para terminar o ano em alta e agradecer o apoio da torcida durante o ano de 2018. Para o duelo com o Furacão, Dorival não terá Cuéllar. A tendência é que Piris da Motta ganhe oportunidade entre os titulares do Fla. 

O investimento do clube em Piris da Motta foi de R$ 13,5 milhões. O volante revelado pelo Rubio Ñú (PAR) e vindo do San Lorenzo (ARG), assinou contrato válido até dezembro de 2022. O valor investido no paraguaio ficou abaixo de dois reforços trazidos pela diretoria rubro-negra nesta temporada: o atacante Vitinho (R$ 53,9 milhões) e o centroavante Henrique Dourado (R$ 15,7 milhões).

Desta forma, o nome de Piris é um dos que fará parte do elenco em 2019. Uma boa atuação contra o Atlético-PR, diante da torcida no Maracanã, pode dar ao meio-campista a confiança necessária para retornar confiante no próximo ano.

Fonte: Lance


Postar um comentário

 
Top